#

Polícia procura suspeito de liderar e expandir facção criminosa de Vitória para Nova Venécia

Publicado em: 14/10/2021

Compartilhe:


Suspeito tem mandado de prisão em aberto pelos crimes de tráfico de drogas e porte de arma de fogo de uso restrito.
 
 
A Delegacia Especializada de Narcóticos (Denarc) de Guarapari, na Grande Vitória, está tentando localizar e prender Giuliano Alves Marques, de 37 anos. Ele tem mandado de prisão em aberto pelos crimes de tráfico de drogas e porte de arma de fogo de uso restrito.
 
 
De acordo com o delegado titular da Denarc de Guarapari, Guilherme Eugênio, o suspeito é integrante de uma facção criminosa que atua na capital capixaba. Ele seria o responsável por tentar expandir a ação desse grupo para outras regiões do estado.
 
 
"Começa tudo no Morro da Penha. Eles querem se consolidar como uma facção criminosa grande e tentam estender seus braços para outras regiões", contou.
 
 
As investigações da delegacia apontaram que o suspeito fornece drogas para o bairro Village do Sol, em Guarapari, e também para as localidades de Nova Venécia, no Noroeste do estado, atuando em conjunto com Vinícius Valkenier dos Santos, de 22 anos, natural do município e que foi preso pela Polícia Militar no final do ano passado.
 
 
O delegado explicou que Vinícius atuava como gerente do grupo criminoso e era subordinado de Giuliano.
 
 
"O Giuliano é a maior autoridade e tinha como seu braço direito o Vinícius. Eles organizam a mão de obra dos traficantes de menor monta em escalas de trabalho rígidas assim como a entrega de armas e drogas", disse.
 
 
Ainda de acordo com as investigações, Giuliano seria o responsável por pegar as drogas a serem revendidas junto aos fornecedores em Vitória e transportá-las para Guarapari ou Nova Venécia.
 
 
Nove prisões
 
Além do mandado de prisão em aberto, de acordo com a Polícia Civil, Giuliano já esteve preso nove vezes pelos crimes de roubo, porte de arma, tráfico de drogas e porte de arma de uso restrito entre 2003 e 2020.
 

Fonte: noroestenews