Daily Archives: 7 de fevereiro de 2018

7 posts

Deputado Federal Evair de Melo: “Tem que ter transparência, tem que ter verdade nisso”

EVAIR DE MELO e o jornalista Elias de Lemos, durante visita à redação do Correio9.

O deputado federal, Evair de Melo, foi candidato, em 2014, pelo Partido Verde (PV), sendo eleito com 48.829 votos. Na Câmara, se engajou nas causas da agricultura.

Em março de 2016 Evair fez críticas ao governo Dilma Rousseff e afirmou que seria favorável ao processo de impeachment de Dilma.. Em abril de 2016, ele votou pelo afastamento da presidente.

Posteriormente, votou a favor da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do Teto dos Gastos Públicos. Em abril de 2017 votou a favor da Reforma Trabalhista. Em agosto de 2017 votou a favor do processo de abertura de investigação do então presidente Michel Temer. Agora, em 2018, o deputado defende a Reforma da Previdência.

Confira a entrevista dada ao Correio 9:

Correio9 – Deputado, o senhor é candidato à reeleição?

Evair de Melo – Perfeitamente, faço um movimento incentivado inclusive pelas causas, conquistas e pelo desafio, vou colocar meu nome. Sou um pré-candidato, para disputar a reeleição. É difícil, porque no primeiro mandato peguei uma turbulência muito grande na política, mas estou muito motivado pelos resultados que consegui, com os segmentos produtivos, com a agricultura, com os municípios do nosso interior, então faço um movimento claro de candidato à reeleição a deputado federal. Mais um ciclo seria importante para finalizar e fazer as entregas que a gente tanto gostaria, principalmente para a nossa agricultura, para o nosso interior capixaba.

Correio9 – Com três anos deste mandato, o que poderia ser destacado como suas maiores realizações na Câmara Federal?

Evair de Melo – É preciso olhar para esse mandato, olhando a turbulência política que foi, talvez a legislatura mais complicada da história do parlamento brasileiro. Impeachment da presidente da república; impeachment do presidente da Casa; e duas denúncias de impeachment contra o atual presidente. Então a política atrapalhou muito os resultados que a gente gostaria.

Sou um deputado federal com a causa da agricultura e do interior capixaba, e, ao cuidar da agricultura eu cuido de infraestrutura, de segurança, de saúde, de educação, as pessoas sabem que eu faço isso a partir da agricultura. Impedimos a importação de café, fizemos um debate para reestabelecer o preço do leite, conseguimos renegociar por lei ou por resoluções, os financiamentos agrícolas de todo o povo capixaba, conseguimos construir legislação para permitir que telefonia celular e internet possam ser instaladas nos distritos das comunidades do interior do Espírito Santo e em consequência, para o interior do Brasil. Sou autor de todas as proposições legislativas que tratam para desburocratizar o processo de agroindústria do Brasil, para incentivar a agroindústria artesanal, a linguiça artesanal, o queijo artesanal, isso fortalece o arranjo local.

Sou autor de proposições que têm permitido o avanço da fruticultura no Brasil, autor de projetos na área do cacau, café, frutas, pimenta, seringueiras, ou seja, eu estou conseguindo tocar uma agenda legislativa para proteger e criar condições para que a agricultura possa continuar sendo esse negócio maravilhoso para o Brasil, então uma das marcas do mandato foi realmente igual eu falei, de importação de café. Conseguimos suspender o emplacamento de máquinas agrícolas, de tratores e mini tratores, que foi uma conquista muito grande para o nosso país, e agora, recentemente, conseguimos abaixar em 40% a taxa do Funrural (Fundo Previdenciário da Agricultura), a agricultura hoje paga 40% a menos de imposto na nota fiscal para a questão da previdência. Então é uma entrega ad eternum, ou seja, para toda a vida. Sou autor de emendas ao orçamento também, emendas legislativas, para incentivar o turismo rural e essa integração do agroturismo no campo. Consegui garantir no orçamento geral da União mais de R$ 200 milhões para a agricultura familiar. Hoje, por onde passo as pessoas reconhecem o nosso trabalho.

Correio9 – O senhor mencionou todo esse trabalho nesse período e falou do desgaste, do momento de turbulência desta legislatura. Como o senhor vai subir ao palanque neste ano? Qual vai ser a sua plataforma?

Evair de Melo – Eu vou para uma reeleição mostrando o meu trabalho, prestando minhas contas, conversando com a sociedade. Fui testado, num momento difícil alguns colegas meus se venderam por emendas parlamentares, muitos se venderam por cargo em governo, muitos colegas se venderam simplesmente por ficar no palanque fazendo oposição, criticando e nada produzindo.

Eu vou mostrar para a população que eu fui trabalhar. Tem um ditado popular falado na roça que fala: “Tinha formiga, tinha marimbondo, tinha mosquito, mas eu continuei no meu trabalho, seguindo a minha missão”. Então eu estou entregando aos capixabas um mandato propositivo, que produziu resultados completos para a sociedade, não me envolvi com corrupção, todas as denúncias de corrupção da Casa fui veemente, independente de ameaças de governo, votei contra a corrupção, volto a dizer, com baixo custo de mandato. O parlamento brasileiro custa muito caro, consegui reduzir despesas de pessoal, do próprio mandato também, e vou pedir então aos capixabas, prestando contas do meu trabalho, dessa minha independência política, pedir a oportunidade para que eu possa ter mais quatro anos de mandato, e assim consolidar muitas coisas que começamos neste mandato. Vou andar de cabeça erguida, apresentando meu trabalho.

Se fui testado para me corromper, fui testado para me vender por cargo em governo, fui testado a resistir a tudo isso, porque a causa maior que eu defendo é o interior capixaba, é a agricultura, a saúde, a educação. Então, vai ser de cabeça erguida, prestando conta e pedindo a oportunidade de continuar o meu trabalho.

Correio9 – Deputado, qual a sua posição em relação à reforma da previdência social?

Evair de Melo – A reforma da previdência é necessária, infelizmente muitos movimentos sindicais e corporativistas estão contando um monte de mentiras para a população, uma vez que a previdência privada é em torno de R$ 1.500, em média, enquanto a previdência do funcionalismo público é em torno de R$ 9 mil. Tem de corrigir essa distorção. Nós temos 15 milhões de brasileiros desempregados, o Brasil tem que recuperar a credibilidade, para trazer investimentos e que com esses investimentos, nós possamos empregar essas pessoas que se encontram desempregadas.

Daqui a pouco eles vão querer se aposentar, vão estar na idade de aposentar, vão ter o direito de aposentar, mas não tem dinheiro para pagar. Tem que ter transparência, tem que ter retidão, tem que ter verdade nisso, porque o mais triste não vai ser você não poder aposentar, vai ser você aposentar e não ter dinheiro para te pagar. Combater a corrupção, combater a sonegação, e fazer a reforma da previdência, para que ela aumente na economia, para que possa aumentar o consumo de produtos agrícolas, o consumo no comércio, gerar emprego e renda para quem está na idade ativa e naturalmente aquela garantia financeira de receber para quem se aposentar.

Correio9 – O Governo fala sempre desta questão da reforma da previdência. Agora, a gente olhando para o orçamento de 2018, R$ 3,57 trilhões (três trilhões e 570 bilhões de reais), aparece um déficit na previdência de R$ 159 bilhões e aparece, também, R$ 1,16 trilhão (um trilhão e 160 bilhões de reais) para refinanciamento da dívida. Não seria a dívida o maior problema?

 FOMOS perdendo a capacidade de competitividade, naturalmente, a indústria perdeu tamanho, desempregou as pessoas, e nós criamos um caos”, revela Evair de Melo.

Evair de Melo – A dívida é um dos problemas, mas eu só consigo pagar a dívida se eu

recuperar a economia. Vocês imaginam que no primeiro ano do mandato da Dilma como Presidente da República, o nosso orçamento tinha um superávit total de R$ 300 milhões, nós fechamos 2017 com R$ 150 bilhões de déficit, ou seja, erramos na economia.

A dívida é um problema, porque com a dívida, eu tenho que tirar, para cobrir a dívida, só que eu só consigo pagar a dívida se eu conseguir recuperar a economia, isso é muito claro, é número, é aritmética, o problema de tudo isso, é que nós temos governos corruptos, esse governo é corrupto, ele é parte do outro que saiu, que também era corrupto, ou seja, tiramos a metade do governo, ou seja, a índole dos homens públicos desse país é uma vergonha, então não podemos confundir uma coisa com a outra, a dívida é um problema porque desonerou demais, subsidiamos taxas de juros para grandes investimentos, pegamos o BNDS e a Petrobrás como garantidores de projetos que não deram retorno financeiro, fomos perdendo a capacidade de competitividade, naturalmente, a indústria perdeu tamanho, desempregou as pessoas, e nós criamos um caos.

Vai ter que exigir sacrifício de todo mundo, mas o mais importante disso, ou façamos as mudanças necessárias agora, claro que alguém, em algum momento vai ter que ter algum sacrifício maior do que o outro, daqui a pouco as coisas mudam, então, essa visão maior é importante dizer, apesar da política, a reforma da previdência. Fernando Henrique tentou fazer, o Lula tentou fazer, a Dilma tentou fazer, esse governo agora está tentando fazer, então ela extrapola, todo mundo sabe, dentro da política ou fora dela, que é necessário fazer, o grande problema é que nesse momento, um governo altamente envolvido com corrupção como este, com pessoas que em tese não teriam prestígio moral, mas estão tocando as coisas, então esse diálogo com o brasileiro tem que ser branco e franco.

Correio9 – O senhor é contra ou a favor de uma auditoria da dívida pública?

Evair de Melo – Isso tem que ser feito, as coisas no Brasil têm que ser auditadas, tem que haver transparência com isso, o Brasil tem que parar com essas coisas de “caixa preta”, as coisas têm que ser abertas, com transparência e os governos não fizeram, Fernando Henrique não fez, o senhor Lula não fez, dona Dilma não fez e o Temer, não vou entrar na discussão porque não vai fazer também.

Mas, precisamos entender que as coisas públicas desse país, tem que ter transparência, tem que ter retidão, tem que ser auditáveis e alcançáveis. Todos os números: da previdência, os números tributários, e os números de arrecadação. Já o nosso orçamento, tem que ser mais transparente e objetivo.

Correio9 – Por que a reforma tributária não avança na Câmara?

Evair de Melo – Não avança porque o governo é medroso lá na Câmara. O Estado brasileiro, tem que ter reforma política, porque você precisa colocar na política gente que tem coragem de fazer essas coisas, é um absurdo a carga tributária, pior que a carga tributária, é a qualidade do serviço de quem recebe, que entrega para a gente, pagamos a maior carga tributária do mundo, sem estrada, sem educação, então não é só também reformar a questão tributária, é também reformar o Estado brasileiro, então a reforma tributária está emperrada porque esse governo tem compromisso com dívidas altas e tem medo de perder a teta e não quer fazer, eu tenho certeza que se dependesse da Câmara e não do Executivo, o texto está pronto, o relator está pronto, a reforma é necessária, como eu disse, fizemos a trabalhista, temos que fazer a previdenciária, tem que fazer a tributária, tem que fazer a política, mais do que inclusive fazer a reforma é construir uma nova previdência, construir um novo sistema tributário, um novo sistema político. O complicado disso é que o Governo é envolvido com corrupção, então a gente fica na dúvida, mas, o maior combate à corrupção é na urna, a nossa chance de não dar mandato a corrupto é na urna, se fizermos isso, naturalmente quem vai para o mandato, vai fazer com responsabilidade, com segurança, os ajustes que são necessários.

Correio9 – Voltando para o estado, para as eleições desse ano, qual a sua tendência no palanque da eleição majoritária para Governador?

 Evair de Melo – O Espírito Santo tem tido ótimos governos, de 2003 para cá, desde o governador Paulo Hartung, que fez uma ótima gestão nos dois primeiros mandatos. Depois o governador, Renato Casagrande tocou o governo brilhantemente, com a retidão correta, em algum momento, tiveram algumas questões pessoais e se romperam, Paulo Hartung fez e está fazendo um governo possível, é necessário explicar isso para os brasileiros, se o governador nosso fosse o Casagrande nessa gestão também acho que teria ido pelo mesmo caminho. Os números hoje mostram que os capixabas tomaram a decisão correta, não tem heroísmo nesse negócio não, então acho que temos que ter juízo, calma e cautela, os políticos capixabas, todos de grande envergadura, posso citar aqui Paulo Hartung, Renato Casagrande, Ricardo Ferraço, Rose de Freitas, talvez os maiores quatro atores da política dentro do cenário capixaba.

É gente que gosta do Espírito Santo, gente que defende o Espírito Santo, gente que tem condições, claro, com ideologias diferentes, mas assim, precisamos criar o ambiente para que essas pessoas continuem na vida pública. Não tem nenhum acordo de cavalheiros aqui não, mas poucos estados, claro que com ideologias as vezes diferentes, têm quatro nomes por exemplo iguais a esse, cada um com sua característica, então eu vou trabalhar muito para que esses quatro personagens, talvez os quatro maiores personagens, depois tem uma turma do segundo escalão, aliás, segundo plano. Mas com certeza vou trabalhar muito para que os quatro estejam em 2019 com um mandato. Não vale cargo a qualquer custo. Agora, é preciso ter na vida pública gente qualificada como temos aqui no nosso Espírito Santo.

Correio9 – Suas considerações, seu recado, algo que não te perguntei, que o senhor gostaria de falar aos nossos leitores.

Evair de Melo – A eleição de outubro vai ser uma campanha muito curta, vai aparecer muito papagaio de pirata, muito jogador emprestado de última hora querendo vender lote na lua e prometendo inclusive a planta, isso não pode acontecer. Não tem campanha cara na rua, cuidado com essa coisa de troca de favor, entrega de emendas de obra pública a troco de voto, isso também é corrupção. Olhe o histórico de quem está chegando agora, de como vai chegar, e, olhe o histórico de quem vai tentar uma reeleição, naturalmente, tem que trocar muita gente que está aí, mas eu entendo também que tem muita gente que foi testada e está sobrevivendo ao tempo sem estar envolvido com isso aí, e é um desafio muito grande, porque tem que ter caráter e muita responsabilidade para estar nesse momento e não se ceder a cargos, não se ceder a emendas, a favores fáceis. Aconteceu comigo recentemente né, eu votei no cidadão para Presidência da República (Aécio Neves-PSDB), não tinha todo o conhecimento, depois eu descobri que o cara pegou propina, botava dinheiro no bolso, ou seja, é muito ruim, dá uma sensação ruim. Então, é preciso conversar antes.

Correio9 – Seriam as considerações finais, mas o senhor mencionou sobre “não vai ter campanha cara”, qual a sua opinião sobre financiamento de campanha, financiamento público, ou financiamento privado?

Evair de Melo – Eu sou a favor de financiamento privado de campanha, mas com muita regulação, limitação de material, limitação de tempo, limitação de espaço, ou seja, com rigor. Campanha cara tem corrupção. Eu volto a dizer, o mandato você tem que conseguir com trabalho, com entrega, com relacionamento, com convivência com comunidade. Eu sou defensor de campanha privada, de doação privada com transparência, sou contra fundo partidário, porque isso é uma bandidagem que fizeram nesse país para roubar dinheiro do povo, não tem transparência.

Agradeço a oportunidade e parabéns ao Correio9 pelo brilhante trabalho que fazem, de qualidade e também de conteúdo.

52 concursos públicos oferecem salários de até R$ 27,5 mil

Para quem quer seguir carreira pública, veja os concursos públicos com inscrições abertas. As oportunidades profissionais estão espalhadas por todas as regiões do país.

BA – MG- RJ- Indústrias Nucleares do Brasil

O processo seletivo é para formação de cadastro de reserva para cargos de nível médio/técnico e superior. De nível superior há vagas para administrador, advogado, analista de comércio exterior, analista de comunicação, analista de sistemas, assistente social, auditor, biólogo, bibliotecário, contador, economista, enfermeiro do trabalho, engenheiro ambiental, engenheiro agrônomo, engenheiro civil, engenheiro da computação, engenheiro de automação e controle, engenheiro de produção, engenheiro de segurança do trabalho, engenheiro eletricista, engenheiro mecânico, engenheiro metalúrgico, engenheiro químico, físico, geólogo, médico do trabalho, psicólogo e químico.

Salário:  até 6.094 reais

Inscrições: até 8 de fevereiro pelo site Gestão de concursos 

SUL E SUDESTE

SP – Instituto de Previdência dos Funcionários Públicos do Município de Paulínia

São 11 vagas de nível fundamental, médio e superior  para os cargos de auxiliar de serviços gerais, agente previdenciário, técnico de enfermagem, técnico de tecnologia da informação, analista previdenciário, assistente social, contador, controlador interno, enfermeiro, médico e procurador autárquico.

Salário: até 7.589,62 reais

Inscrições:  até 7 de fevereiro pelo site da Vunesp

SP – Prefeitura de Buritiza

Há 40 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Oportunidades para motorista, pedreiro, recepcionista, agente comunitário de saúde, auxiliar de desenvolvimento infantil, inspetor de alunos, auxiliar em farmácia, oficial administrativo, auxiliar em saúde bucal, agrônomo, assistente social, enfermeiro, médico (4 especialidades), professor de educação básica I, procurador jurídico e professor de educação básica II (Ciências, Geografia e História).

Salário: até 10 mil reais

Inscrições até 8 de fevereiro pelo site da Vunesp

SP – Prefeitura de Itapira

São 50 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Há vagas para médico, professor, engenheiro, psicólogo, fiscal tributário

Salário: até 5.800,17 reais

Inscrições: até 14 de fevereiro pelo site da SH Dias

SP – Prefeitura de Barretos

São 411 vagas para os níveis fundamental, médio e superior.   Há vagas para advogado, administrador, arquiteto, enfermeiro, engenheiro, fisioterapeuta, psicólogo e médico, entre outras.

Salário: até 8,073.75 reais

Inscrições: até 15 de fevereiro pelo site da Vunesp

SP – Câmara Municipal de Pedro de Toledo

São quatro vagas para os níveis fundamental, médio e superior. De nível superior a vaga é para procurador jurídico.

Salário: até 6.402,82 reais

Inscrições: até 26 de fevereiro pelo site da consultoria SETA

SP – Prefeitura de Mairiporã

São 163 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Há vagas de nível superior para engenheiro agrônomo, engenheiro ambiental, engenheiro civil, engenheiro do trabalho.

Salário: 6.506,96 reais

Inscrições: até 26 de fevereiro pelo site do Instituto Mais.

SP-  Câmara Municipal de Itapecerica da Serra

São oito oportunidades para os níveis fundamental, médio e superior. Assistente de comunicação, contador, ouvidor, tesoureiro, entre outros, são alguns dos profissionais que encontram oportunidades nesse certame.

Salário: até 5.451,47 reais

Inscrições:  até 27 de fevereiro pelo site RHS Consult

SP – Instituto Nacional de Ciência da Saúde (INCS)

As oportunidades são para cadastro de reserva e há vagas para médico, enfermeiro, auxiliar administrativo, técnico entre outros, para trabalhar em São José dos campos (SP).

Salário: até 5,2 mil reais

Inscrições: até 28 de fevereiro pelo site Moura Melo

SP – Prefeitura de Itupeva

São 10 vagas de nível superior para médicos em diversas especialidades.

Salário: até 7.277,43 reais

Inscrições: até 5 de março pelo site SH Dias 

RJ – Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ)

São 44 vagas para os níveis médio e superior.

Salário:  até 9.877, 98 reais

Inscrições: até 14 de fevereiro pelo site da UFRRJ

RJ – Universidade Federal Fluminense

São 39 vagas de nível superior para carreira de professor em 35 áreas.  Veja a informação no Diário Oficial 

Salário: 9.585,67 reais

Inscrições: até 28 de fevereiro pelo site da UFF  

RJ – Prefeitura de Niterói

São 30 vagas de nível superior para analista de políticas públicas e para auditor municipal de controle interno.

Salário: até 5,5 mil reais

Inscrições:  até 12 de março pelo site da FGV Projetos 

RJ – Ministério Público do Rio de Janeiro

São 35 vagas para promotor.

Salário:  até 27.500, 16 reais

Inscrições: até 6 de abril pelo site do MPRJ 

MG – Prefeitura de Sarzedo

São 48 vagas para todos os níveis: elementar, fundamental, médio, técnico e superior.

Salário: até 10.849,35 reais

Inscrições: até 9 de fevereiro  pelo site IBGP Concursos 

MG – Consórcio Intermunicipal de Saúde da Rede de Urgência Centro Sul (CISRU)

São 269 vagas de nível médio e superior.

Salário: até 7.050 reais

Inscrições: até 19 de fevereiro pelo site IBGP Concursos 

MG- Prefeitura de Pará de Minas

São 283 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Há oportunidade para assistente social, farmacêutico, enfermeiro, nutricionista, médico, odontólogo, psicólogo, entre outras.

Salário: até 10.879,51 reais

Inscrições: até 23 de fevereiro pelo site Gestão de Concursos

MG – Prefeitura de Cabeceira Grande

São 64 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Há vagas de cadastro de reserva para administrador, assistente social, cirurgião dentista, especialista em educação básica,  procurador, contador e vagas imediatas para engenheiro civil, farmacêutico, fonoaudiólogo, médico, nutricionista.

Salário:   até 10.938 reais

Inscrições: até 28 de fevereiro pelo site FGR Concursos

MG – Companhia Energética de Minas Gerais

São 108 vagas para os níveis médio, técnico e superior. Há oportunidades para engenheiros, geólogos, técnicos em diversas áreas, entre outras.

Salário: até 7.965 reais

Inscrições:  até 12 de março pelos site Fumarc 

PR – Agência de Fomento do Paraná

São 12 vagas de nível médio e superior.  Há vagas para advogado, analista contábil, analista de comunicação e marketing, engenheiro civil, engenheiro mecânico, entre outras.

Salário: até 8,3 mil reais

Inscrições: até 8 de fevereiro pelo site  de  concursos da Uel 

PR – Prefeitura de Iracema do Oeste

São 16 vagas para níveis fundamental, médio e superior.

Salário: 7.057, 86 reais

Inscrições: até 15 de fevereiro pelo site Alfa 

SC- Prefeitura de Ipumirim

São 46 vagas e há oportunidades de nível sueperior para professor e também para médico.

Salário: até 18. 114,11 reais

Inscrições: até 14 de fevereiro pelo site da Amauc

SC – Bom Jardim da Serra

São 99 vagas para os níveis alfabetizado, fundamental, médio e superior.

Salário: até 13.845, 33 reais

Inscrições: até 20 de fevereiro pelo site IOBV 

RS – Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul

São 51 vagas de nível médio e superior. Há vagas para analistas em diversas formações, como administrador, engenheiro elétrico, arquiteto, contador, engenheiro mecânico, entre outras.

Salário: até 23.084,61 reais

Inscrições: até 19 de fevereiro pelo site da Fundatec 

RS – Prefeitura de Estância Velha

São 23 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Advogado, arquiteto, enfermeiro, engenheiro civil, médicos em diversas especialidades e médico veterinário são alguns dos profissionais buscados.

Salário: até 10.153,80 reais

Inscrições: até 20 de fevereiro pelo site da Fundatec 

RS – Prefeitura de Nova Candelária

São 11 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. As oportunidades são para: agente administrativo, agente comunitário de saúde, atendente de creche, contador, fiscal ambiental e sanitário, médico, médico ginecologista/ obstetra, médico pediatra, monitor de escola, motorista, orientador social, psicólogo, secretário de escola, serviços gerais, técnico em enfermagem, professor de educação infantil, professor de ensino fundamental séries iniciais, .

Salário: até 9,999.79 reais

Inscrições: até 21 de fevereiro pelo site Santo Angelo  

RS- Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Sul

São 50 vagas de nível superior.

Salário: até 11,620.55 reais

Inscrições: até 1 de março pelo site da Fundação La salle

CENTRO OESTE

MS- Prefeitura de Brasilândia

São 63 para os níveis fundamental, médio e superior. Há vagas para advogado, assistente social, enfermeiro, nutricionista, odontólogo, psicólogo, médico, farmacêutico, entre outras.

Salário: até 6 mil reais

Inscrições: até 8 de fevereiro pelo site Fapec

MS – Ministério Público de Mato Grosso do Sul

São 10 vagas para promotor. É preciso ser bacharel em direito e ter no mínimo três anos de efetivo exercício de atividade jurídica.

Salário: 23.512,65 reais

Inscrições:  até 16 de fevereiro pelo site da Fapec.

MS – Prefeitura de Anaurilândia

São 13 vagas para os níveis fundamental, médio e superior.

Salário:  8.440,26 reais

Inscrições: até 9 de fevereiro pelo site Concursos Sigma

MT – Prefeitura de Vila Bela da Santíssima Trindade

São 79 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. As oportunidades são para agente comunitário de saúde, assistente social, dentista, enfermeiro, engenheiro civil, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, instrutor de artesanato, médico, merendeira, motorista de veículo pesado, nutricionista, orientador social, professor, professor de ciências biológicas, professor de educação física, professor de história, professor de língua portuguesa, professor de matemática, professor de pedagogia, recepcionista, técnico em desenvolvimento infantil, técnico em enfermagem, técnico em saúde bucal e zelador. Veja o edital 

Salário: até 12.732,97 reais

Inscrições:  até 8 de fevereiro pelo site da KLC Concursos  

MT – Prefeitura de Nova Monte Verde 

São 31 vagas para os níveis fundamental, médio e superior para os cargos de médico, odontólogo, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, farmacêutico, enfermeiro, assistente social, psicólogo, médico veterinário, engenheiro ambiental, auxiliar de consultório odontológico, técnico em laboratório, técnica em enfermagem, fiscal de vigilância sanitária, técnico em radiologia, ouvidor do Sistema Único de Saúde (SUS) e técnico agrícola.

Salário:  até 12.392,82. reais

Inscrições:  até 9 de fevereiro na prefeitura Confira o edital

DF- Conselho Federal de Medicina

São 183 vagas imediatas e para cadastro de reserva em cargos de nível médio e superior. Há oportunidades que exigem formação superior para advogado, analista de tecnologia da informação, bibliotecário e jornalista.

Salário: até 9.427,93 reais

Inscrições: até 16 de fevereiro pelo site Iades

DF- Superior Tribunal de Justiça

São cinco vagas imediatas e formação e cadastro de reserva para os cargos de analista judiciário para graduados em biblioteconomia, fisioterapia, odontologia (odontopediatria e periodontia), psicologia, direito e para qualquer área de formação. Também há vagas para técnico judiciário É para trabalhar em Brasília.

Salário: até 11.006,82 reais

Inscrições: até 19 de fevereiro pelo site do Cespe

DF- Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal

São 200 vagas de nível médio e superior. Administrador, advogado e médico são alguns dos profissionais que encontram oportunidades no concurso.

Salário: até 5.404,64 reais

Inscrições: até 12 de março pelo site Quadrix  

NORTE E NORDESTE

BA – Prefeitura de Brumado

São 22 vagas para os níveis médio e superior. Há oportunidades para médico e para técnicos de enfermagem.

Salário: até 10 mil reais

Inscrições: até 9 de fevereiro . Confira o edital 

BA – Ministério Público da Bahia

São 20 vagas para promotor substituto.

Salário: até 23.284,14 reais

Inscrições: até 5 de março pelo site do MPBA  

AL- Tribunal de Justiça de Alagoas

São 131 vagas, sendo 100 para técnico judiciário – área judiciária; 15 para analista judiciário – oficial de justiça avaliador; 15 para analista judiciário – área judiciária e uma para analista judiciário – área de estatística.

Salário: até 5.101,92 reais

Inscrições:  até 12 de fevereiro pelo site da FGV

MA -Prefeitura de Magalhães de Almeida

São 131 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Oportunidades para professores, médico, enfermeiro, assistente social, farmacêutico, fisioterapeuta, nutricionista, veterinário, entre outras.

Salário: até 6 mil reais

Inscrições:  até 16 de fevereiro pelo site Crescer concursos

BA -Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia (TCM-BA)

São 10 vagas de nível superior para auditores de controle externo e para auditores de infraestrutura.

Salário: 11.317, 17 reais

Inscrições: até 19 de fevereiro pelo site do Cespe

BA – Polícia Civil da Bahia

São mil vagas: A oferta é de 880 vagas para investigador, 82 para delegado e 38 para escrivão.

Salário: até 11,389.96 reais

Inscrições: até 2 de março pelo site da Vunesp

MA – Secretaria de Estado da Gestão, Patrimônio e Assistência dos Servidores do Maranhão

São 30 vagas de nível médio e superior para os cargos de analista executivo, analista previdenciário e técnico previdenciário.

Salário: 9.600 reais.

Inscrições: até 23 de fevereiro pelo site da Fundação Carlos Chagas.

CE – Universidade Federal do Cariri (UFCA)

São cinco vagas de nível superior para professores para as áreas de estudo: construções rurais e topografia; saneamento; construção civil, instalações prediais; metais; e química geral e ensino de química.

Salário: até 10.043,14 reais.

Inscrições: até 28 de janeiro pelo site da UFCA  

CE – Prefeitura de Solonópole

São 144 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Há oportunidades para médico, enfermeiro, farmacêutico, cirurgião dentista, fisioterapeuta, entre outras,

Salário: até 5,777 reais

Inscrições: até 9 de fevereiro pelo site de concursos do município 

CE – Prefeitura de Camocim

São 440 vagas fundamental, médio e superior.Veja o edital

Salário: até 7.795,29 reais

Inscrições: até 14 de fevereiro pelo site Cetrede 

PI – Prefeitura de Landri Sales

São 74 vagas para os níveis fundamental, médio e superior.  Há vagas para assistente social, enfermeiro, dentista, psicólogo, médico, nutricionista, entre outros.

Salário: até 7.300. reais

Inscrições: até 21 de fevereiro pelo site do Instituto machado de Assis

PB- Prefeitura de São José dos Ramos

São 143 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Há vagas de nível superior para  advogado, assistente social, assistente social NASF, bibliotecário, bioquímico, contador, enfermeiro plantonista, enfermeiro PSF, farmacêutico, fisioterapeuta centro de saúde, fisioterapeuta NASF, fonoaudiólogo NASF, médicos, odontólogos, professor, psicólogo, médico veterinário, entre outras.

Salário: até 10 mil reais

Inscrições: até 23 de fevereiro pelo site Facet Concursos 

PE – Conselho Regional de Farmácia de Pernambuco

São 104 vagas de nível médio e superior para as cidades de Recife, Caruaru e Petrolina. Há vagas para farmacêutico, advogado, assistente administrativo.

Salário: 5.553,47 reais

Inscrições: até 28 de fevereiro pelo site Inaz do Pará

PE – Universidade Federal de Pernambuco

São 89 vagas de nível superior para professores do magistério superior e duas para professor do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico no Colégio de Aplicação (CAp). Veja o edital.

Salário: até 9.585, 67 reais

Inscrições: até 8 de março pelo site da universidade

TO- Polícia Militar de Tocantins

São 1 mil vagas para soldados e 40 vagas para oficiais. Para se inscrever é preciso ter idade mínima de 18 anos e máxima de até 30 anos, na data de inscrição; altura mínima de 1,63m para homens e 1,60m para mulheres; carteira de habilitação a partir da categoria B; além de outros requisitos previstos no edital.

Salário:  até 8.382,10 reais

Inscrições: até 9 de fevereiro pelo site Instituto AOCP 

TO – Prefeitura de Campos Lindos

São 119 vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Há oportunidades para professor, psicólogo, médico, farmacêutico, entre outras.

Salário :a té 6 mil reais

Inscrições:  até 4 de março pelo site Icap  

RO- Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia

São 10 vagas de nível superior para professor substituto.

Salário: 5,742.14 reais

Em SP, Hartung debate gestão e apresenta potencial do ES

Nesta terça-feira (06), o governador Paulo Hartung embarcou para São Paulo onde ministrou duas palestras sobre gestão pública e detalhou o case do Espírito Santo que atravessou a crise nacional, mantendo as contas equilibradas com o pagamento de servidores e prestadores de serviço em dia. Paulo Hartung também falou sobre perspectiva para o cenário nacional nos próximos anos e afirmou que o Estado já saiu da recessão, irá realizar investimentos superiores à R$ 1 bilhão em 2018 e que está preparado para as oportunidades do pós-crise.  As palestras de Hartung foram realizadas para investidores potenciais da carteira de negócios do Banco Brasil Plural e durante a conferência de CEO do BTG Pactual Brasil, ambas na capital paulista.

O modelo de gestão capixaba foi apresentado por Hartung, que detalhou como conseguiu – mesmo diante da crise econômica e sociopolítica no Brasil – um ajuste fiscal que permitiu manter as contas do Estado equilibradas, sem deixar de investir em políticas públicas, se tornando referência para outros estados brasileiros. Na ocasião, o governador citou projetos estruturantes que envolvem a área de Saúde, Meio Ambiente e principalmente da Educação. Hartung ressaltou a importância do gestor público utilizar ferramentas gerenciais avançadas, reduzir o custeio da máquina pública e utilizar a inovação como solução de desafios e melhoria dos serviços prestados à população. O governador capixaba também falou da importância do poder público ter um orçamento compatível com a arrecadação, e defendeu a importância do país ter uma agenda desenvolvimentista com a realização reformas estruturantes.

O governador Paulo Hartung defendeu que seja criado no país, ferramentas e incentivos para valorizar gestores públicos que administram com responsabilidade. O governador também defendeu a reorganização do Poder Público para o país por fim a burocracia e dar mais flexibilidade e agilidade aos gestores. “Precisamos criar bons incentivos para quem faz o dever de casa, para quem se organiza, para quem mantém o equilíbrio fiscal, para aqueles governantes que buscam mecanismos para terem recursos próprios e conseguirem fazer investimentos nas áreas da educação, saúde, segurança pública e infraestrutura. Isso precisa ser premiado no país, senão só fica o desajuste, descaminho e procurando socorro. Essa não é uma boa pedagogia para o país”, afirmou Paulo Hartung.

Modelo capixaba

O modelo adotado pelo Governo do Espírito Santo para realizar seu ajuste fiscal teve início em 2015, com a revisão do orçamento enviado à Assembleia Legislativa pelo governo anterior. A peça orçamentária foi reduzida em R$ 1,35 bilhão de receitas totais e R$ 800 milhões das receitas de caixa. Ainda em 2015, o governador Paulo Hartung assinou decretos que previam a redução de despesas com custeio e folha de cargos comissionados e temporários em 20%. Isso significa que o ajuste fiscal capixaba é estrutural e também visa coibir a sonegação, aumentando a eficiência na arrecadação e, consequentemente, não transferindo custos para a sociedade por meio do aumento de impostos.

Brasil Plural

Brasil Plural é um banco múltiplo com foco em operações estruturadas de financiamento, assessoria financeira e asset management. O Banco conta com uma forte atuação no mercado de Distressed Assets e Real Estate, e possui capacidade ímpar de distribuir produtos de todas as suas áreas de atuação no atacado e no varejo. O objetivo do Brasil Plural é prover seus clientes com serviços e produtos customizados e eficientes, primando pela excelência na execução dentro do mercado financeiro. O relacionamento de longo prazo com seus clientes e o estabelecimento de uma cultura interna meritocrática, ética e baseada em alta performance, norteiam os caminhos estratégicos que o Banco persegue.

BTG Pactual: 19ª edição do CEO Conference

O BTG Pactual promove nesta semana o maior evento do mercado financeiro da América Latina, o 19º CEO Conference. Ao longo de dois dias, cerca de 140 empresas e mais de 2.500 clientes debaterão as principais tendências globais sobre economia, educação e tecnologia, entre outros. Entre os principais temas estão o futuro da indústria financeira, oportunidades de investimento, desafios da educação no Brasil e o cenário geopolítico global.

Participaram líderes, empresários e especialistas das mais variadas áreas do conhecimento, como Henrique Meirelles (ministro da Fazenda), Fernando Coelho Filho (ministro de Minas e Energia), Rodrigo Maia (Presidente da Câmara dos Deputados do Brasil), Paulo Hartung ( governado do Espírito Santo), Robert Kapito (presidente da BlackRock), Stelleo Tolda (COO do Mercado Libre), Marcos Troyo (diretor BRIC Lab na Universidade Columbia), Rebecca Liao (membro da Secretaria de Política Externa para a Campanha Presidencial de Hilary Clinton, em 2016), entre outros.

Chuvas intensas causam inundações e interdição de estradas em Vila Pavão

NOVA VENÉCIA (ES) – As fortes chuvas que atingiram o município de Vila Pavão no último fim de semana causaram estragos em várias estradas, dificultando a circulação de pedestres e motoristas. O grande volume de chuva registrado bloqueou estradas vicinais e ameaçou o rompimento de uma barragem na localidade de Córrego da Rapadura, zona rural do município.

Um trecho da Rodovia ES 220, próximo ao distrito de Todos os Santos, amanheceu interrompido parcialmente na manhã desta segunda-feira (05) em decorrência de uma queda de barreira. Já no início da tarde, a pista havia sido desobstruída por funcionários do Departamento de Estradas e Rodagens (DER-ES).

O sistema de energia elétrica também foi afetado, com danos em postes, fiações e disjuntores, provocando interrupção do fornecimento de energia em várias propriedades rurais. Segundo levantamento preliminar do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), até a manhã desta segunda-feira (05), o índice de chuvas acumuladas no município superou os 300 milímetros.

O prefeito Irineu Wutke destacou que ocorrências decorrentes das fortes chuvas foram registradas em diferentes pontos do município. “Nesta manhã de segunda-feira, a estrada de Praça Rica a Veloso e a estrada que liga a sede do município a região de Beira Rio São Gonçalo, assim como várias outras estradas estavam intransitáveis. Imediatamente providenciamos o desbloqueio das duas estradas maiores. Como as ocorrências são muitas e a prefeitura não dispõe de muitos equipamentos, o trabalho está sendo feito de acordo com as prioridades, então pedimos a compreensão da população”, disse o prefeito.

A volta às aulas no município também ficaram prejudicadas, já que a precariedade das estradas inviabilizou o funcionamento de várias linhas do transporte escolar no interior.

No início da manhã, a Defesa Civil do município havia atendido várias ocorrências, entre elas, o caso de uma barragem na localidade de Córrego da Rapadura que corre o risco de se romper. Conforme explicou o coordenador Rafael Schultz Tesch, a obra foi vistoriada e realmente foi constatado o risco de rompimento, problema que poderá ser solucionado com a diminuição do volume de água que chega à barragem.

A previsão é de chuva para toda essa semana. Em caso de emergência, a Defesa Civil do município pode ser acionada pelos telefones 99965-8050 e 99933-7437.

Dupla é detida após furtar loja de informática em Nova Venécia

A Polícia Militar prendeu, na noite desta segunda-feira (5), em Nova Venécia, dois homens acusados de furtar uma loja de informática no centro da cidade.

A dupla, um homem de 35 anos e um adolescente de 17, foi abordada próximo a um ginásio de esportes, após informações de que uma loja de informática localizada na Praça Jones dos Santos Neves, havia sido furtada. Segundo a polícia, os ladrões estavam se deslocando em direção à rodoviária.

Durante a abordagem, os policiais encontraram diversos objetos furtados na loja, que foram reconhecidos pelo proprietário.

Direto da Redação, com informações da Polícia Militar

Espírito Santo perde o posto de 2º maior produtor de petróleo e gás do país

Plataforma P-57, localizada no Parque das Baleias, é uma das maiores produtoras de petróleo no Estado

Posição foi desbancada pelo Estado de São Paulo

RIO DE JANEIRO (RJ) – Pela primeira vez na história, São Paulo fechou um ano como segundo maior produtor de petróleo e gás do país, desbancando o posto que até então era ocupado pelo Espírito Santo. De acordo com números da Agência Nacional do Petróleo (ANP), o Estado paulista encerrou 2017 com uma produção de aproximadamente 163 milhões de barris de óleo equivalente (boe=óleo + gás), 131 mil barris a mais que a produção capixaba.

Na produção média do ano, os dois Estados tiveram um volume muito próximo, sendo que em São Paulo a média de barris diários produzidos foi de 447,3 mil contra 446,9 mil do Espírito Santo.

A mudança de posições no ranking nacional deve-se sobretudo às descobertas do pré-sal na Bacia de Santos, que fizeram a produção paulista sair de cerca de 14 mil barris de petróleo por dia em 2010 para os quase 450 mil atuais. No último ano, por exemplo, a plataforma P-66 entrou em operação, contribuindo para incrementar os dados paulistas.

Atualmente, os campos de Lula e Sapinhoá, ambos na Bacia de Santos, são os que mais produzem no país. Na sequência aparecem os campos capixabas de Jubarte e Baleia Azul, localizados na Bacia de Campos, litoral Sul.

A primeira vez que a produção mensal de São Paulo foi superior a do Espírito Santo foi em julho de 2017. Depois disso, a produção paulista ficou à frente da capixaba outras três vezes. O último boletim da ANP, com dados de dezembro, aponta que em São Paulo a produção naquele mês, por meio de seis campos produtores, alcançou por dia 471 mil boes. Já no Espírito Santo foram produzidos nos 51 campos 440 mil barris.

Por mais que os volumes produzidos entre os dois Estados sejam, por enquanto parecidos, São Paulo deve se consolidar cada vez mais como segundo maior produtor no ranking, aumentando a distância do Espírito Santo, que passa a ocupar a terceira posição. A troca de posições será reforçada conforme entrarem em operação as novas plataformas previstas para operarem na Bacia de Santos.


(*Com informações do Gazeta on line)